Segundo uma pesquisa realizada por professores do curso de nutrição da Universidade Federal do Paraná e da Universidade Positivo, selos com as cores do semáforo aplicados aos rótulos dos alimentos industrializados podem influenciar positivamente as escolhas dos consumidores no supermercado. Num experimento feito no Paraná, 89% dos entrevistados mudaram suas escolhas ao se deparar com um selo vermelho de alerta na embalagem, indicando não ser um alimento saudável.
Esses resultados foram apresentados na Assembleia Legislativa do Paraná (Alep) pelo médico João Caetano Marchesini, que é presidente da Sociedade Brasileira de Cirurgia Bariátrica e Metabólica (SBCBM).  Será que o cirurgião deseja emplacar um projeto de lei propondo uma rotulagem nutricional especial do Paraná?
Por um lado, parece uma boa notícia. Que bom que fizeram mais um estudo desse tipo no Brasil e que bom que estão levando esse tema aos políticos. Por outro lado,  sabemos que a Anvisa é o órgão mais adequado para decidir sobre a rotulagem nutricional e já há um grupo de trabalho, altamente qualificado, estudando essa e outras propostas de rotulagem nutricional dentro da Anvisa. o Idec também tem feito pesquisas sobre o tema, justamente para gerar mais informações para a Anvisa. É na Anvisa que esse debate deve acontecer, é lá que ele já acontece. Talvez o Dr. Marchesini ainda não saiba disso.
O título deste artigo reflete o que eu penso e acho que reflete o que o médico pensa também. Mas nem eu nem ele somos designers e não podemos nos precipitar em acreditar que o modelo de rotulagem de que gostamos mais, ou o que conhecemos mais, seja o mais claro para a população. Nenhum modelo analisado até hoje aponta o grau de processamento industrial dos alimentos.
Todos os modelos que foram analisados por nós na Anvisa abordam os teores de sal, gordura e açúcar. Nenhum trata da presença de aditivos, do teor de imitação no produto nem do impacto ambiental global que sua produção gera. A inovação trazida pelo guia alimentar de 2014 ainda não foi traduzida para a rotulagem de alimentos. E meu sonho é que essa tradução seja feita. Foi isso que desejei inspirar com minha dissertação de mestrado. Isso ninguém inventou ainda,  ninguém estudou ainda.
Talvez mais gente precise saber dessas coisas, não? Que tal me ajudar a espalhar essa provocação?
 

semaforo-nutricional-equador

Modelo de rotulagem nutricional suplementar adotado no Equador este ano.

 

 

Fonte: Rotulagem ajuda quem quer uma vida saudável – Bem Paraná

Leave A Comment

You must be logged in to post a comment.